Como funciona a Técnica Alexander, 7 Princípios: Inibição

Você está aqui: Home » Como funciona a Técnica Alexander, 7 Princípios: Inibição

Como funciona a Técnica Alexander, 7 Princípios: Inibição

Como a Técnica Alexander funciona, 7 princípios: Inibição

Qual é a diferença entre a EFICIÊNCIA do ser humano e a do gato? Vamos descobrir lendo sobre o sexto princípio: a inibição.

6. Inibição

Vamos começar com o que temos em comum: ambos os humanos e os gatos normalmente não pensam sobre como nós executamos o movimento. Nós dois trazemos atenção à isso só quando é realmente preciso: o gato para executar um grande salto, nós para executamos uma frase musical complexa. Porém, nessa similaridade tem uma grande diferença: quando o gato estima a distância do salto, ele não usa lógica, ele usa a intuição. Para nós conseguimos executar a música difícil, não há intuição ou comportamento instintivo que vá nos ajudar, nossa única ferramenta é a lógica.

Na Técnica Alexander nós trazemos essa lógica à ação. O primeiro passo é chamado de ‘inibição’, um termo que Alexander emprestou da neurologia. Inibição, como oposto de excitação, é o tempo quase imperceptível entre estimulo e resposta. Este tempo é a nossa oportunidade de evitar a resposta automática(tensão muscular excessiva) e escolher uma resposta desejável (esforço que precisa – não mais, nem menos).

Escolhe uma frase musical complexa, vamos dar atenção àquele instante de preparação:

Para criar som, tem que conectar com o seu instrumento, então vai ter esforço muscular. Lembra que você não vai do zero para o dez. Já existe um tônus muscular em você antes de tocar:

Reconhece este tônus e deixa a tensão nascer deste tônus.

Então, não é só ‘relaxar’ e entrar na frase musical ‘relaxado’. Na verdade, é o contrario! Precisa USAR o instante de tempo ANTES para o som nascer naturalmente e não com estresse. Veja como a Maria Callas entra:

 

 

O estresse começa quanto eu acho que vou entrar no movimento de um lugar parado. O sistema, achando que está parado, coloca mais esforço do que precisa, como colocar a primeira marcha no carro e usar mais esforço do que precisa. Mas felizmente se você está acordado, não pode ser parado! Os micro-movimentos de equilíbrio estão ativados, mesmo se a sensação é de parado. O gato sempre pula de um lugar ativo, mesmo se está aparentemente parado.

‘Inibição’ é uma ferramenta para acessar o processo da consciência corporal. Nas palavras de Victor Frankl:

 ‘Entre o estímulo e a resposta existe um espaço. Nesse espaço está o nosso poder de escolher a nossa resposta. Na nossa resposta encontra-se o nosso crescimento e a nossa liberdade.’


Veja os outros posts desta série:

1. Controle primordial

2. Unidade psico-física

3. O uso afeta o funcionamento

4. Reconhecimento de hábito

5. Apreciação sensorial não confiável

7. Direção

Leave A Comment